top of page

O universo numa casca de ovo

Trazendo a analogia feita por Stephen Hawking no livro “O universo numa casca de noz” em que ele compara o universo com uma casca de noz, podemos imaginar cada recurso natural que utilizamos como sendo um universo à parte cheio de possibilidades. Porém, diferente do universo, que a olho nu aparenta ser infinito e aos olhos da física está em constante expansão, os recursos ambientais são extinguíveis e a sua renovação é muito lenta quando comparada à velocidade que nós a utilizamos.

Nebulosa verde - Adobe Stock


Nessa perspectiva, na tentativa de dissociar o aumento do consumo humano com o aumento da geração de resíduos, a economia circular surgiu como uma estratégia para diminuir o desperdício de matéria prima nos sistemas de produção. Esse modelo econômico visa promover a reutilização e restauração de recursos que no modelo linear seriam descartados como resíduos, o que é uma proposta interessante e vantajosa não apenas para a indústria, que agora pode reaproveitar e monetizar materiais que antes seriam considerados lixo, como também para o meio ambiente, uma vez que diminui as pressões sobre os recursos naturais.


Seguindo esse paradigma, diversas pesquisas vêm explorando a utilização das cascas de ovo nos meios de produção, material rico em cálcio que gera, globalmente, mais de 9 milhões de toneladas de resíduos por ano. Entre as aplicações já utilizadas, é possível citar o uso de derivados purificados do carbonato de cálcio presente na casca (>96% do peso da casca) na formulação de fertilizantes, na alimentação mineral de animais, na indústria de aditivos alimentares, entre outros.



Cascas de ovo - Adobe Stock


Além desses, o uso da membrana da casca do ovo como curativo para feridas cutâneas também se mostrou um destino promissor para esse biomaterial. Estudos demonstraram que a membrana da casca do ovo, quando associada a nanopartículas de prata em concentrações baixas, é biocompatível e apresenta atividades antibacteriana e anti-inflamatória, podendo ainda acelerar a cicatrização dessas feridas.


Essas e diversas outras aplicações da casca do ovo só confirmam o potencial dessa matéria prima no meio industrial e tecnológico, proporcionando a valorização dos pilares da economia circular e fazendo com que nós enxerguemos um universo inteiro numa casca de ovo.


Referências


  1. Laohavisuti, N., Boonchom, B., Boonmee, W. et al. Simple recycling of biowaste eggshells to various calcium phosphates for specific industries. Sci Rep 11, 15143 (2021). https://doi.org/10.1038/s41598-021-94643-1.

  2. Liu, M. et al. Nano-silver-decorated microfibrous eggshell membrane: processing, cytotoxicity assessment and optimization, antibacterial activity and wound healing. Sci. Rep. 7, 436. (2017). https://doi.org/10.1038/s41598-017-00594-x.

1 visualização0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page